Por que vídeo é o futuro do marketing?

A Cisco, multinacional do ramo de redes e comunicações, lançou recentemente um relatório em que se prevê que 69% de todo o tráfego na internet, já em 2017, será vídeo. A maior parte, claro, se deve aos serviços de streaming e video sob demanda, como Netflix e Sky.

A Netflix já tem 83 milhões de assinantes no mundo todo e seus usuários assistem mais de 10 bilhões de horas por mês! Por pessoa, a média é de 1.8 horas de consumo diário, ou seja, 7,5% do dia assistindo séries, filmes, documentários e tudo o que for conteúdo de interesse.

Mas… por que vídeo?

Vídeo é o formato de conteúdo com maior facilidade de consumo, ou seja, não exige muitos esforços por parte do usuário – isso faz com que o conteúdo possa ser consumido em diversas situações do dia-a-dia, o que aumenta a possibilidade de ter a mensagem realmente absorvida.

Além disso, vídeo entrega informações de uma forma simples para nosso cérebro processar. Isso resulta em uma melhor taxa de conversão em anúncios e websites, o que significa que sua empresa pode vender mais.

Video também ajuda a desenvolver uma melhor e mais humana relação com seus consumidores e prospects. Isso ajuda a proporcionar mais reconhecimento de marca e lealdade perante seu público.

Uma pessoa assistindo vídeo que entrega valor ou entretenimento é mais disposta a aceitar a mensagem que sua empresa quer comunicar do que apenas lendo algo na web. Através do fornecimento de informações e estímulos audiovisuais que acompanham uma história, sua empresa pode apresentar informações que são estruturadas e colam na sua audiência.

O sentimento, as ideias e as soluções que sua empresa apresenta, juntamente com o teor emocional que o video pode ter, vão ficar mais tempo na mente dos espectadores, especialmente quando for a hora de tomarem uma decisão de compra.

De acordo com uma pesquisa da Aberdeen, sites que possuem video em landing pages obtém 41% mais tráfego orgânico do que aqueles que não. Para empresas que dependem da atração de consumidores, investir em video pode proporcionar o dobro de visitas de uma página.

Vídeo = Social?

via GIPHY

Não é segredo que vídeo é um dos formatos de conteúdo mais vistos e compartilhados da web. No Facebook, são cerca de 8 bilhões de visualizações de vídeo por dia. O crescimento da quantidade de posts que contém vídeo é impressionante: cresce pelo menos 75% ao ano. E o alcance orgânico, isto é, o número de pessoas que veem o post sem nenhum esforço pago, é até 135% maior do que se comparado à uma foto postada na rede social.

No YouTube, são mais de 1 bilhão de usuários consumindo, diariamente, 17 minutos de conteúdo na rede. Em dispositivos mobile, esse número aumenta para 40 minutos por dia! Enquanto isso, criadores de conteúdo na rede identificados como influenciadores digitais possuem, em conjunto, mais de 70 milhões de horas assistidas online, e ainda são premiados com a audiência mais engajada da web.

Investimento em Video Marketing

video marketing

A maioria das empresas, sejam elas B2C ou B2B, já entendem a importância do vídeo em sua estratégia – seja pela facilidade ou pela tendência. Cerca de 62% dos profissionais de marketing vão aumentar o investimento em video marketing nos próximos 12 meses, demonstrando que o cenário competitivo desse tipo de conteúdo vai ficar mais acirrado.

Porém, para esses profissionais, desenvolver e manter um orçamento de videomarketing não é tão simples. Nesse âmbito, eles acreditam que é necessário envolver investimentos com equipamentos, pessoal, criação, produção, edição e mídia. Por isso, a maioria das empresas não consegue sair do lugar e/ou a estratégia perde em consistência.

 

Mitos do Video Marketing

video marketing

Ao contrário do que a maioria dos profissionais pensam, hoje em dia não é tão difícil assim ter uma estratégia sólida de video. Atualmente, tecnologias de câmera e microfone em smartphones podem ser muito bem usadas para começar do zero.

Além disso, esqueça as premissas de que precisa que o vídeo tenha X ou Y minutos, de que a pessoa não pode errar uma palavra enquanto estiver gravando, de que o cenário precisa ser montado dessa ou daquela forma… Tudo que uma estratégia de vídeo precisa é de um começo. A evolução é gradual e o engajamento do público também.

 

Exemplos de Video Marketing

Para mostrar que video marketing é realmente uma excelente estratégia de negócio, separei alguns exemplos para comentar.

 

Gary Vaynerchuk/VAYNERMEDIA

Gary é o fundador da VaynerMedia e da WineLibrary TV. Em ambas as empresas, usou video para potencializar as vendas e aumentar sua autoridade na web.

Confira os canais:

73548432

2737327

Gary não se limita com duração dos vídeos – veja que existem vários com mais de 15 minutos – e ainda não se importa muito com a edição. Como é uma pessoa que se sente confortável com esse tipo de conteúdo – depois de muita prática – ele consegue criar sem muita dificuldade de planejamento e execução.

Porém, assista seus primeiros vídeos e veja o quanto sua execução melhorou ao longo do tempo. Video Marketing, assim como qualquer outra estratégia, depende de uma curva de aprendizado que poucas empresas estão dispostas a enfrentar.

 

Hubspot

A empresa que cunhou o termo Inbound Marketing, tinha, de alguma forma, que estar nessa lista. Combinando vídeos inspiracionais e filosóficos sobre a metodologia Inbound com vídeos mais descontraídos de bate-papo e cursos completos sobre temas específicos, a empresa consegue audiências variadas e um engajamento superior à média. Confira o canal.

41209495

PlayGround BR

Se tem uma empresa que está detonando no Video Marketing, essa é a revista digital espanhola PlayGround Magazine. Combinando o incrível formato de vídeos curtos legendados com o poder da Social Media, sua página no Facebook hoje tem quase 10 milhões de seguidores e os níveis de engajamento só crescem.

video marketing

A página publica cerca 6 vídeos por dia, todos eles usando imagens e cenas de outros conteúdos (confira no canto inferior direito os créditos que a página dá para os criadores). Não é incomum ver as pessoas marcando outras nos comentários, reagindo com os novos Reacts do Facebook e ainda compartilhando sem medo o conteúdo relevante e interessante da página.

 

VIDEO MARKETING É PARA QUEM DESEJA ESTAR À FRENTE.

 

A mensagem é simples: comece hoje mesmo. Aprenda rápido. E os resultados virão.

Solicite um diagnóstico gratuito do marketing da sua empresa. Será um prazer bater um papo sobre estratégias e novas tendências de marketing.

 

05/10/2016 por raphaelcrosa      Marketing de conteúdo, Marketing Digital, Tendências, Vídeo marketing